Em meio a pandemia Rio Grande do Sul aumenta exportação de carnes e bate recorde

Noticias do Rio Grande do Sul

Publicado em 23/06/2020 11h27 - Atualizado 23/06/2020 11h27
Autor: Leonardo W Torres

Vários setores da economia estão sentindo os efeitos da pandemia mas nem tudo se resume a prejuízo a cadeia da carne comemora o crescimento das exportações como a conquista até de uma marca inédita que chega ao consumidor brasileiro e também estrangeiro é o trabalho de pessoas como a Roseli desde o início da pandemia a suinocultura de estrela no vale do Taquari recebeu da indústria mais porcos para criação e ela já sabe que os 4500 leitões terão que serem preparados mais rapidamente para o abate.

Mês passado o Brasil exportou mais de 100.000 toneladas de carne suína segundo a associação brasileira de proteína animal essa é a primeira vez que país ultrapassa essa marca o resultado é 52% maior do que o registrado no mesmo período do ano passado a região contribuiu com 80% do que foi vendido para o exterior tudo isso em meio a uma pandemia e que empresas instaladas no estado chegaram a ficar paradas por conta da contaminação de covid 19 nas fábricas a BRF foi uma delas.

A China é o principal comprador da carne brasileira o produto nacional ganhou mais espaço no país asiático com a peste suína africana que atingiu os rebanhos chineses além disso a pandemia que afetou os frigoríficos americanos impulsionou as nossas exportações mas a carne de frango também conquista cada vez mais o paladar estrangeiro em maio foram quase 400 mil toneladas.

Imagem Interna


Leonardo W Torres Leonardo W Torres

Leonardo é grande conhecedor dar artes marciais, professor de Jiu-Jitsu e varias outras artes. É também redator na seção de novelas, fofocas e mais assuntos no X24, dedica seu tempo em escrever inúmeros assuntos a respeito da teologia e evangelho.

X24 Notícias X Baixa o nosso App X24 Notícias e fique informado todo o dia. Instalar