Em busca da perda de peso? leia sobre o mito das calorias e a import√Ęncia do metabolismo

Entender como funciona a perda de peso é como perseguir um animal mítico. Não é apenas uma questão de queimar calorias, mas também de melhora

Publicado 28/09/2023 às 17:30 por Alex Torres

√Č preciso questionar por que estamos tentando perder peso. Estamos fazendo isso para melhorar nossa sa√ļde ou estamos arriscando nossa sa√ļde na busca pela perda de peso? Existem equa√ß√Ķes matem√°ticas por tr√°s da perda de peso, como o d√©ficit cal√≥rico, mas a realidade √© muito mais complexa.

Para perder peso, idealmente, voc√™ deve consumir mais calorias do que ingere. No entanto, a perda de peso n√£o se resume apenas a essa equa√ß√£o. Tamb√©m √© importante melhorar outros aspectos do nosso estilo de vida, como a qualidade do sono, a pr√°tica regular de exerc√≠cios e a manuten√ß√£o de uma boa sa√ļde social.

O que realmente faz nosso corpo queimar calorias?

O exerc√≠cio √© uma maneira eficaz de queimar calorias, mas n√£o a √ļnica. Com a perda de peso, tamb√©m estamos perdendo massa muscular. Nosso corpo usa energia (ou seja, calorias) para as atividades di√°rias e extras. Essa energia √© conhecida como metabolismo basal, que √© a energia que o corpo consome apenas para manter-se vivo.

  • A atividade f√≠sica, como correr, fazer desporto, levantar pesos, caminhar, cozinhar e at√© mesmo limpar o ch√£o, tamb√©m nos ajuda a queimar calorias.
  • Outro fator a considerar √© a termog√™nese induzida pela dieta, que √© a energia que queimamos ao mastigar, digerir e absorver os alimentos.

Portanto, a pergunta que surge é: quantas calorias precisamos queimar por dia para perder peso?

O fator metabólico na perda de peso

man running on road near grass field

O corpo humano √© um sistema complexo. Horm√īnios como a grelina, a leptina e o cortisol podem afetar nosso apetite, sensa√ß√£o de saciedade e n√≠veis de estresse. Isso significa que nosso corpo pode nos pregar algumas pe√ßas. Por exemplo, se tentarmos um d√©ficit cal√≥rico muito alto, nosso corpo pode desacelerar o metabolismo e reduzir a taxa metab√≥lica.

Isso ocorre porque nosso corpo interpreta a restri√ß√£o cal√≥rica como um sinal de que a comida √© escassa, desencadeando um mecanismo de defesa ancestral. Embora esta resposta possa ter sido √ļtil em tempos de escassez, ela n√£o √© adequada para o s√©culo XXI, onde a comida √© abundante.

Quantas calorias você realmente precisa queimar por dia

√Č importante evitar reduzir excessivamente a ingest√£o cal√≥rica. Em vez disso, √© recomendado reduzir apenas entre 10% e 20% das calorias necess√°rias para o gasto energ√©tico di√°rio. Reduzir mais do que isso pode levar √† fome, ao efeito rebote, √† perda muscular, ao desaceleramento do metabolismo e √† falta de ades√£o √† dieta.

Existem v√°rias ferramentas online que podem ajudar a calcular seu gasto energ√©tico di√°rio. Uma das equa√ß√Ķes mais aceitas para calcular as necessidades cal√≥ricas di√°rias √© a equa√ß√£o Mifflin-St Jeor. Com base nela, voc√™ pode determinar como reduzir as calorias da sua dieta contando os macronutrientes.

A import√Ęncia da hidrata√ß√£o na perda de peso

Two women working out and drinking Boxed Water

Muitas vezes subestimada, a hidratação desempenha um papel crucial na perda de peso. Beber água suficiente ajuda na digestão e na absorção de nutrientes, mantendo o corpo hidratado e facilitando o processo metabólico. Além disso, a água pode auxiliar na sensação de saciedade, evitando a ingestão calórica excessiva. Certos estudos também sugerem que beber água fria pode acelerar o metabolismo temporariamente, uma vez que o corpo gasta energia para aquecer a água à temperatura corporal. Portanto, manter-se bem hidratado pode ser uma estratégia eficaz para auxiliar na perda de peso.

A psicologia da perda de peso

Não é apenas a fisiologia que importa na perda de peso; a psicologia também

tem um papel fundamental. A forma como encaramos a comida, o exerc√≠cio e nosso pr√≥prio corpo pode fazer uma grande diferen√ßa nos resultados. O desenvolvimento de uma rela√ß√£o saud√°vel com a comida e uma vis√£o positiva sobre o exerc√≠cio f√≠sico s√£o fundamentais para um emagrecimento bem-sucedido e sustent√°vel. Muitas pessoas recorrem a m√©todos pouco saud√°veis, como dietas extremamente restritivas ou exerc√≠cios excessivos, por conta de press√Ķes sociais ou autopercep√ß√Ķes negativas. Ter o suporte de profissionais como psic√≥logos ou nutricionistas comportamentais pode ser muito √ļtil para entender os fatores emocionais e psicol√≥gicos que afetam o peso, como o estresse, a compuls√£o alimentar e a autoestima. Ao abordar essas quest√Ķes, voc√™ estar√° mais bem preparado para fazer mudan√ßas de estilo de vida sustent√°veis.

Empregamos cookies indispensáveis e tecnologias correlatas, conforme nossa Política de Privacidade. Ao prosseguir com a navegação, você expressa seu consentimento com tais termos. Politica de Privacidade