Fertilidade vem pela boca? Qu√£o relevante pode ser uma Dieta na Busca pela Paternidade?

Este artigo explora a impacto significativo da nossa alimentação e bem-estar geral na fertilidade e a busca pela paternidade.

Publicado 22/08/2023 às 20:40 por Alex Torres

Continua após a publicidade..

Alimenta√ß√£o e Sa√ļde Reprodutiva

A sabedoria hipocr√°tica que defende a ideia de que o alimento deve ser a nossa medicina continua a ser bastante relevante. A dieta e os alimentos que consumimos t√™m um efeito direto na nossa sa√ļde e bem-estar, incluindo a fertilidade. Uma lista de compras bem pensada pode ser a chave para melhorar a sa√ļde reprodutiva de homens e mulheres, seja na produ√ß√£o de espermatoz√≥ides ou na libera√ß√£o de andr√≥genos ovarianos. No entanto, a ado√ß√£o de h√°bitos de vida mais saud√°veis n√£o leva necessariamente ao sucesso imediato na fecunda√ß√£o.

Os Obstáculos à Fertilidade

Existem fatores que, al√©m dos estritamente pessoais, reduzem as chances de fecundidade. Fatores como sobrepeso e obesidade ‚Äď bem como baixo peso ‚Äď s√£o obst√°culos marcantes, assim como h√°bitos prejudiciais como o tabagismo e o consumo de √°lcool.

Curiosamente, o excesso de gordura tem uma correla√ß√£o bastante direta com a infertilidade. O aumento dos n√≠veis da leptina (a hormona que controla a sensa√ß√£o de saciedade) provoca altera√ß√Ķes na intera√ß√£o entre o hipot√°lamo e a hip√≥fise, o que resulta numa redu√ß√£o dos n√≠veis de testosterona nos homens e de progesterona nas mulheres.

Continua após a publicidade..

O Problema do Sobrepeso na Fertilidade

Al√©m disso, o sobrepeso favorece o desenvolvimento de resist√™ncia √† insulina, o que leva ao aumento da s√≠ntese e libera√ß√£o de andr√≥genos ovarianos. Isso acaba prejudicando a fertilidade feminina e tamb√©m reduz os n√≠veis de globulina, uma prote√≠na presente no sangue que transporta os horm√īnios sexuais, impactando negativamente a ovula√ß√£o e a qualidade do esperma.

Nutrição e Fertilidade: O Balanço dos Macronutrientes

Um estudo conjunto realizado pela Universidade Alfonso X El Sabio e a Universidade Complutense aponta quais tipos de macronutrientes poderiam explicar essa perturba√ß√£o na sa√ļde reprodutiva. O estudo menciona o excesso de consumo de gorduras saturadas, √°cidos graxos trans e prote√≠nas de origem animal como potenciais culpados.

No entanto, o estudo tamb√©m associa uma boa sa√ļde reprodutiva ao consumo de hidratos de carbono complexos, fibra, gorduras monoinsaturadas e √°cidos graxos √īmega-3. Al√©m disso, √© importante garantir um aporte adequado de minerais e vitaminas.

Alimentos para Impulsionar a Fertilidade

Em meio a essas informa√ß√Ķes, fica claro que quanto mais natural e menos processada for a nossa dieta, melhor. Qualquer dieta balanceada que seja rica em frutas, vegetais, hortali√ßas e legumes ser√° tipicamente mais saud√°vel do que uma que n√£o os inclua.

No entanto, é importante ressaltar que existem certos alimentos que, de acordo com o estudo mencionado anteriormente, podem ajudar a melhorar a fertilidade. Eles incluem ácido fólico e minerais como zinco, cálcio, selênio, ferro ou iodo, além de vitaminas como A, D, C, E e B12.

Impacto dos Macronutrientes na Fertilidade

O estudo também destaca os benefícios de uma dieta rica em alimentos com carga glicêmica baixa, que estaria associada a uma melhor ovulação e maior qualidade do sêmen. Além disso, substituir as proteínas de origem animal pelas de origem vegetal beneficiaria a ovulação.

As gorduras tamb√©m desempenham um papel crucial. As gorduras trans aumentam a resist√™ncia √† insulina e as gorduras saturadas est√£o negativamente associadas √† quantidade de espermatoz√≥ides. Por outro lado, as dietas ricas em gorduras monoinsaturadas seriam ben√©ficas para homens e mulheres, assim como uma boa quantidade de √°cidos graxos essenciais √īmega-3.

Exemplos de Alimentos para Melhorar a Fertilidade

Em termos de alimentos específicos que podem ajudar a melhorar a fertilidade, temos:

  • Salm√£o: Rico em prote√≠nas de alto valor biol√≥gico e gorduras insaturadas.
  • Espinafres: Ricos em retinol, que favorecem um ciclo menstrual regular.
  • Nozes: Ricas em sel√™nio, antioxidantes e √°cidos graxos saud√°veis como o √īmega-3.
  • Ostras: Ricas em zinco, que √© particularmente importante para a fertilidade feminina.
  • Am√™ijoas: Ricas em ferro, que √© essencial para prevenir a anemia.
  • Ovo: Rico em prote√≠nas, gorduras saud√°veis e uma abund√Ęncia de minerais e vitaminas.

Na busca pela fertilidade, é importante lembrar que uma boa dieta é apenas uma parte da equação. Manter uma vida saudável, evitar o tabagismo e o consumo excessivo de álcool, e manter um peso saudável são igualmente importantes para aumentar as chances de concepção.

Empregamos cookies indispensáveis e tecnologias correlatas, conforme nossa Política de Privacidade. Ao prosseguir com a navegação, você expressa seu consentimento com tais termos. Politica de Privacidade