O Enigma dos Bolsões dos Deuses de Göbekli Tepe

Em uma jornada de redescoberta e análise crítica, revisitamos o misterioso Pilar 43 de Göbekli Tepe, desvendando as múltiplas camadas de interpretações que cercam os icônicos "bolsões dos deuses".

Publicado 09/01/2024 às 09:46 por Alex Torres

Continua após a publicidade..

Ao desvendarmos as páginas da história, vez ou outra, deparamo-nos com enigmas que parecem resistir a todo e qualquer esforço interpretativo. É o caso de Göbekli Tepe, sítio arqueológico que nos brinda com o Pilar 43, também conhecido como o pilar dos “bolsões dos deuses”. Inicialmente, muitos se apressaram a traçar paralelos entre estes bolsões e objetos similares em culturas ao redor do mundo: desde os recipientes segurados por semideuses assírios até as representações artísticas dos Olmecas.

No entanto, uma abordagem mais criteriosa e menos superficial revela que essa comparação direta poderia ser uma simplificação excessiva de um simbolismo muito mais complexo e contextualmente enraizado.

Na tentativa de decifrar o Pilar 43, nos deparamos com uma sequência de animais – um pássaro dobrando-se, um leão ou pantera saltando e um animal agachado de cabeça para baixo. Essas representações não são exclusivas de Göbekli Tepe, encontrando-se em outros locais neolíticos na Turquia. A proximidade desses animais com os controversos bolsões é um convite à reflexão e análise mais profundas.

Continua após a publicidade..

Astronomia ou Arquitetura?

O arqueólogo Martin Swetman propõe que os símbolos poderiam representar solstícios e equinócios, com cada animal marcando um evento astronômico específico. Uma hipótese que confere ao local um possível significado arqueoastronômico. Por outro lado, E.B. Banning oferece uma interpretação arquitetônica: os bolsões seriam representações esquemáticas das próprias construções de Göbekli Tepe, com os animais servindo como emblemas identificadores de diferentes clãs ou grupos.

O Mistério dos Enclosures

Relacionado a isso, surge a teoria de que Göbekli Tepe era um ponto de encontro para diversos grupos da região. Cada um desses grupos possuía seu próprio recinto, identificado por um animal emblemático, como serpentes em um e javalis em outro. Se os bolsões de fato simbolizam esses enclosures, estariam eles sugerindo uma visão técnica da construção do local?

Ventura Entre as Teorias

  • Os bolsões e a vegetação: Além dos enigmáticos bolsões, outro detalhe intrigante é o padrão em zigzag ao redor dos mesmos. Banning sugere que poderiam representar vegetação, enquanto o arqueólogo Bahattin Selig expande essa ideia, argumentando que as formas em V ao redor dos bolsões seriam, na verdade, cercas feitas de ramos de salgueiro, usadas para proteger o sítio central de Göbekli Tepe.
  • A hipótese dos tetos: Não podemos desconsiderar a possibilidade de cada recinto ter sido coberto por um teto, o que conferiria uma nova camada de sentido aos bolsões retratados no Pilar 43. Essa teoria será explorada com mais detalhes em futuros estudos.

As interpretações são muitas, mas certo é que a verdade por trás do Pilar 43 resiste ao tempo, talvez esperando pelo avanço de nosso próprio conhecimento para ser plenamente revelada.

Uma Jornada de Aprendizado

Assim como o sítio de Göbekli Tepe nos desafia a compreender seu propósito e mensagem, também somos lembrados de que a busca pelo conhecimento é uma jornada contínua. Erros e acertos fazem parte desse caminho, e a evolução de nossa compreensão é o verdadeiro legado que deixamos para as futuras gerações de pesquisadores e entusiastas da história antiga.

Convidamos você a fazer parte desta jornada, explorando os mistérios de Göbekli Tepe e contribuindo para o debate e a disseminação do conhecimento. O que será que realmente representa o Pilar 43? Talvez, por agora, só possamos admirar sua complexidade e esperar por mais descobertas que iluminem as sombras da pré-história.

Empregamos cookies indispensáveis e tecnologias correlatas, conforme nossa Política de Privacidade. Ao prosseguir com a navegação, você expressa seu consentimento com tais termos. Politica de Privacidade