Frutas congeladas: uma ótima opção para saúde e economia

Frutas congeladas, uma alternativa refrescante para dias quentes e uma estratégia para garantir uma alimentação saudável em meio à rotina agitada, mas quais são suas implicações nutricionais?

Publicado 27/08/2023 às 08:15 por Alex Torres

Continua após a publicidade..

Não é tão simples responder a essa pergunta, de acordo com a médica Dra. Lorena Balestra. A retenção de nutrientes após o congelamento é influenciada por variáveis como o tempo que o alimento levou para congelar e o estágio de maturação no momento do congelamento. “Em geral, a colheita em seu ponto perfeito de maturação, seguida de um congelamento rápido, pode preservar os benefícios nutricionais das frutas”, explica a Dra. Lorena.

Vantagens do consumo de frutas congeladas

A Dra. Lorena Balestra informa que uma das vantagens das frutas congeladas é a sua durabilidade – elas podem ser armazenadas por vários meses. Isso representa uma alternativa econômica e prática para quem busca manter uma disponibilidade constante de frutas, independente da sazonalidade.

Além disso, optar por frutas já congeladas e preparadas, como fatias de morango prontas para um delicioso smoothie, pode economizar tempo na preparação de refeições em dias agitados. Embora os alimentos frescos também sejam ricos em nutrientes, eles precisam ser consumidos mais rapidamente para aproveitar ao máximo suas vitaminas.

Continua após a publicidade..

É crucial entender que, em geral, os benefícios para a saúde de comer frutas frescas e congeladas são muito semelhantes. Cada alternativa tem suas características únicas e, dependendo da fruta e de como será consumida, ambas podem ser benéficas para a nutrição.

Como congelar corretamente as Frutas?

frozen blueberries, raspberries, and blackberries

A Dra. Lorena ressalta a importância de se ter cuidado com a higiene das frutas para evitar a contaminação por germes nocivos, como a salmonella e a E. coli. Portanto, lavar bem as frutas antes do consumo, especialmente as frescas, é uma medida simples mas efetiva para reduzir os riscos de doenças transmitidas por alimentos.

Algumas dicas para congelar suas frutas corretamente incluem:

  • Escolher frutas frescas e maduras, que têm maior valor nutricional.
  • Lavar bem as frutas antes do congelamento para remover resíduos de pesticidas e sujeira.
  • Remover sementes e caroços que possam comprometer a textura após o congelamento.
  • Cortar em pedaços pequenos para garantir um congelamento uniforme.
  • Armazenar em recipientes adequados, retirando o máximo de ar possível.
  • Evitar a formação de cristais de gelo, que podem afetar a qualidade nutricional.
  • Consumir dentro de um prazo razoável para obter o melhor valor nutricional.

Os prós da prática do congelamento de frutas

Uma das vantagens pouco discutidas sobre frutas congeladas é sua versatilidade na cozinha. A Dra. Lorena Balestra destaca que essas frutas são particularmente úteis para preparações como smoothies, sobremesas e até em alguns pratos salgados. “Ao serem congeladas, as frutas ganham uma textura que pode ser interessante para dar espessura a smoothies ou como base para sorvetes caseiros”, explica a médica. Elas também podem ser usadas em molhos para carnes ou como um componente em saladas, ampliando o leque de possibilidades na hora de cozinhar.

Dicas valiosas para o descongelamento correto

A Dra. Lorena Balestra também enfatiza que o processo de degelo é tão importante quanto o de congelamento para manter a qualidade nutricional das frutas. “Descongelar de forma inadequada pode resultar na perda de nutrientes e no desenvolvimento de bactérias”, adverte. Portanto, é recomendável descongelar as frutas lentamente na geladeira ou usar o micro-ondas se você planeja consumi-las imediatamente. Nunca descongele frutas à temperatura ambiente, pois isso aumenta o risco de proliferação de micro-organismos nocivos.

Congelar frutas pode ser uma opção excelente para conservar sua qualidade e prolongar sua disponibilidade durante o ano todo. Contudo, a Dra. Lorena enfatiza que a escolha entre frutas frescas e congeladas dependerá da fruta e de como ela será consumida.

Por isso, é sempre importante consultar um profissional de saúde qualificado para orientações personalizadas e seguras sobre a melhor abordagem nutricional para suas necessidades individuais específicas.

Empregamos cookies indispensáveis e tecnologias correlatas, conforme nossa Política de Privacidade. Ao prosseguir com a navegação, você expressa seu consentimento com tais termos. Politica de Privacidade