Spotify exclui hits de grandes nomes da m√ļsica brasileira e surpreende f√£s

Recentemente, o Spotify realizou uma remo√ß√£o significativa de m√ļsicas de √≠cones da m√ļsica popular brasileira, causando alvoro√ßo entre usu√°rio

Publicado 31/01/2024 às 14:18 por Juliana Alves Naziazeno

Continua após a publicidade..

√ćcones da MPB desaparecem do acervo do Spotify

Os amantes da m√ļsica brasileira foram tomados por uma desagrad√°vel surpresa ao utilizar o Spotify e descobrir que extensas cole√ß√Ķes de m√ļsicas de seus artistas favoritos haviam sido removidas da plataforma. Tanto no aplicativo para dispositivos m√≥veis quanto na vers√£o para computadores, os usu√°rios notaram a falta de diversas composi√ß√Ķes que fazem parte da hist√≥ria da M√ļsica Popular Brasileira (MPB).

Leia Também: Conheça a Vida de Realeza do rei Roberto Carlos

√Ālbuns emblem√°ticos afetados

A limpeza do cat√°logo incluiu √°lbuns cl√°ssicos e queridos pelo p√ļblico. Por exemplo, o √°lbum autointitulado ‚ÄúDjavan‚ÄĚ, lan√ßado em 1989, e ‚ÄúMal√°sia‚ÄĚ, outro sucesso do cantor, est√£o agora incompletos na plataforma, com somente algumas faixas ainda acess√≠veis aos f√£s. A extens√£o do impacto √© sentida tamb√©m pelos seguidores do ‚Äúrei‚ÄĚ Roberto Carlos, que viram √°lbuns de per√≠odos marcantes como 1978, 1979, 1981 e 1983 com v√°rias de suas can√ß√Ķes removidas.

Continua após a publicidade..

Impacto nas redes sociais

A retirada das faixas de Maria Beth√Ęnia, especificamente do √°lbum ‚ÄúAs Can√ß√Ķes Que Voc√™ Fez Pra Mim‚ÄĚ, tamb√©m deixou lacunas na discografia dispon√≠vel no servi√ßo de streaming.

Os usu√°rios recorreram √†s redes sociais para expressar sua surpresa e insatisfa√ß√£o com a mudan√ßa abrupta na biblioteca musical oferecida pelo Spotify. At√© o presente momento, a plataforma n√£o forneceu esclarecimentos oficiais acerca da raz√£o pela qual essas m√ļsicas foram retiradas do cat√°logo.

Leia Também: A Casa do Gustavo Lima: Um Palácio Sertanejo Que Esta Mais Para Mansão

A comunidade virtual aguarda ansiosamente por uma explica√ß√£o do Spotify, buscando entender o porqu√™ dessa decis√£o que afeta diretamente a experi√™ncia de ouvir m√ļsica. A remo√ß√£o das obras de artistas t√£o influentes e amados evidencia o qu√£o delicada √© a rela√ß√£o entre os servi√ßos de streaming, os detentores dos direitos autorais e os consumidores finais da m√ļsica. Resta aos f√£s esperar por respostas e torcer pelo retorno dessas preciosidades musicais ao acervo digital.

Empregamos cookies indispensáveis e tecnologias correlatas, conforme nossa Política de Privacidade. Ao prosseguir com a navegação, você expressa seu consentimento com tais termos. Politica de Privacidade